segunda-feira, 11 de abril de 2016

Sinopse de Love Me Like You Do

Eu nunca imaginei que alguém poderia ter outro sentimento por mim sem ser piedade,sempre tive em mente de que era um fardo na vida das pessoas.
Ela no entanto estava ali me mostrando aquele sentimento que eu duvidei que uma mulher,tirando minha mãe poderia sentir por mim.Ela não ligava se as pessoas diziam que eu era perda de tempo na vida dela,ela não ligava em me abraçar em público,ela não ligava em me amar mesmo seu pai querendo que ela fique com outro,ela não ligava pelo fato de eu não poder vê-la

Love Me Like You Do Capítulo 1


Estefani Lewis POV

Acordei com gritos no andar de baixo só poderia ser meu pai e minha madrasta os dois devem estar mais uma vez brigando.É um saco isso as brigas andam se tornando mais frequentes a cada dia que passa,não entendo o fato deles não se separarem logo meu pai sempre vai amar minha mãe e isso nunca vai mudar
Me mudei para Vancouver quando tinha dez anos de idade depois da morte da minha mãe meu pai achou que deveríamos sair de Los Angeles acho que porque lá tinha muitas memórias dela.Tomei um banho rápido e me arrumei com uma roupa confortável,não estou nem um pouco animada pro primeiro dia de aula,escola é um saco e a maioria das pessoas de lá também

Justin Bieber POV

Acordei com alguém me chamando em sussurros sorri ao perceber de quem era aquela voz,dona Pattie realmente sabe como acordar alguém,aquela doce voz seguida de um carinho na bochecha.Abri meus olhos procurei seu braço pra eu conseguir me apoiar e me levantar,ela já me entrega minha bengala
Estar cego não é o fim do mundo de fato quando isso aconteceu eu pensei ser o fim do mundo,mas bom eu estou aqui vivo e me sinto muito feliz,minha mãe me ajuda em quase tudo o que eu preciso mesmo eu dizendo que consigo fazer a maioria das coisas sozinho,ela não pode ficar comigo 24 horas por dia precisa trabalhar já que meu pai babaca nos abandonou pra ficar com outra mulher,minha mãe batalha muito pra nunca me faltar nada e ao de eu me sentir feliz por toda essa dedicação eu me sinto triste,me sinto um fardo,um problema na vida dela eu queria pode ajuda-la assim ela não se sentiria tão exausta
Tentei não demorar no banho,mas por mais que eu conheça ele todo e saiba onde fica tudo não é tão fácil assim quando não se consegue ver,coloquei uma calça jeans escura e uma camiseta branca,pelo menos esses são os detalhes que minha mãe me disse ela sabe minhas cores favoritas e quando vamos comprar roupas ela descreve pra mim ai fica bem mais fácil
Dei um beijo em sua bochecha e sai de casa depois dela reclamar de porque eu não tomei o café da manhã,escutei risadas perto do portão de casa só poderia ser Ryan e Chaz meus melhores amigos retardados

-Hey cara-Ryan deu um soquinho no meu ombro

-E ai Ryan,fiquei sabendo que você levou um de uma gata-soltei uma risada

Chaz me acompanhou na risada e provavelmente pelo silêncio de Ryan ele estava bravo porque Chaz pediu pra mim não tocar no assunto,a menina jogou milk shake na cara dele feriu o sentimentos do coitadinho
Ele bufou e depois nos três estávamos rindo,eu não trocaria essa amizade por nada

Estefani Lewis POV

Acho desnecessário o fato de eu não poder dirigir meu próprio caro e ter que vir de motorista,eu já tenho 17 anos posso ter meu próprio carro e dirigir sem matar ninguém,mas meu pai acha melhor eu incomodar o coitado do James o nosso motorista porque de fato ele acha que James já não sofre o bastante andando pra cima e pra baixo com a minha querida madrasta.Desci do carro agradecendo a James e corri para a entrada da escola,eu não deveria ter corrido porque acabei colidindo com a alguém e fazendo essa pessoa ir ao chão

-Meu deus!-visualizei o garoto no chão e ao seu lado tinha uma bengala,ai merda eu derrubei um garoto cego